29.7 C
Santo Antônio de Jesus
segunda-feira, dezembro 6, 2021

La Niña pode afetar a lavoura de soja no Rio Grande do Sul

O clima é um dos principais desafios do produtor rural. Para a próxima safra de soja (21/22) o alerta é para o La Niña. De acordo com o Conselho Permanente de Agrometeorologia Aplicada do Rio Grande do Sul (Copaaergs), há 70% de chance para a formação do fenômeno no estado, entre as estações de primavera e verão. O levantamento divulgado pela Instituição mostra, ainda, que as precipitações devem ficar abaixo da média, principalmente em novembro.

Em entrevista para o jornal Mercado e Cia, a agrometeorologista Loana Cardoso, da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul, alertou que, diferentemente de alguns estados, o volume de chuva durante o verão no Rio Grande do Sul costuma ser baixo e com o efeito do La Niña, a estiagem pode ser mais severa.

Os efeitos do fenômeno climático podem afetar a lavoura de soja, pois entre janeiro e fevereiro é um período crítico para a cultura que está em fase de floração e início de enchimento de grãos.

“Nós temos que seguir acompanhando os prognósticos. Há uma tendência de que deve ser um evento fraco, então a influência dela no período de verão é um pouco reduzida, mas é uma característica climática do nosso estado a ocorrência de períodos de baixos volumes de precipitação durante o verão, com pequenas estiagens. Então, sim, os produtores têm que ir acompanhando os prognósticos, as previsões biológicas da safra para que a gente possa minimizar os possíveis efeitos”, ressaltou.

Ver Matéria Original

Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Redes Sociais

952FãsCurtir
11,254SeguidoresSeguir
79SeguidoresSeguir
Santo Antônio de Jesus
nuvens quebradas
29.7 ° C
29.7 °
29.7 °
55 %
2.1kmh
51 %
seg
30 °
ter
32 °
qua
29 °
qui
30 °
sex
30 °

Últimas Publicações

error: Conteúdo Bloqueado!